Retardar a ejaculação

Se forem ao blog (http://oamante.blogs.sapo.pt/6329.html) vão perceber que podemos facilmente dar à mulher uma média de 8 orgasmos.

Mas para isso acontecer há que treinar muito. Assim, podem começar pelos exercícios de Kegel ou pompoarismo. É uma técnica que nos chega do oriente, pelo Tantrismo e Taoísmo, e consiste em começar por tentar reter a urina. Consultem aqui.

Contudo, há algo que me esqueci de dizer: ao contrair o músculo devemos, simultaneamente, inspirar. Aguentamos o músculo e a respiração. Expiramos e descontraímos o músculo pc (puboccogigeo). Isto vai fazer com que a contração seja controlada automaticamente pela respiração, torna-se quase um reflexo.

Assim, na hora em que sentem que vão ter a ejaculação, respirem mais devagar e façam o exercício de Kegel, contraíndo o músculo pc. Podem abrandar o ritmo da penetração, ou para mesmo, mas sem retirar o pénis. Quando sentirem que a ejaculação já passou, continuam a penetração. E assim por diante, sempre que sentirem vir a ejaculação.

Com o tempo isto torna-se automático, mas pode demorar.

Quem quiser e não tiver tempo ou pachorra para o pompoarismo (é preciso praticar ao longo do dia), pode fazer como eu: uma dose de concentração, pois quem manda no pénis é o cérebro e não o contrário e toca a controlar a respiração.
Façam como descrevi acima: ao sentir que vão ejacular respirem mais pausadamente e podem pensar em algo que vos retire algum tesão. Com o tempo, aprendem a controlar só com a respiração e é o melhor, pois elas não aguentam tanto assim e este retardamento é suficiente.

Bem... o pompoarismo é muito útil para a saúde como comprovam em qualquer site digitando: «pompoarismo  saúde OR "retenção urinária" OR próstata». Por isso é bom se decidirem fazê-lo, além de que podem ter aquele sexo tântrico das horas infindáveis!

Mas a mulher também pode ajudar: na masturbação, pede ao parceiro para avisá-la antes de ejacular. Quando ele disser, apertam com os dedos ou a mão a glande (cabeça do pénis), o que retira um pouco o tesão e a ejaculação não vem.

No sexo oral, a mesma coisa. Quando ele avisar, "mordem" (Aiiii... já estou a ver!) a glande, ou mordiscam-na.

Na penetração: se as mulheres souberem pompoar, apertam-lhe com a vagina o pénis até ele sentir que passou a ejaculação, enquanto ele abranda ou pára.

No início, convém talvez parar a masturbação ou penetração, mas com o tempo ele precisará só de abrandar, ou nem sequer isso. Assim ele consegue penetrá-la sempre, mesmo com ela a ter o orgasmo: isto leva-as a um nível de excitação supremo e têm orgasmos múltiplos em série.

Quando um homem fizer isto consegue ter orgasmos múltiplos: tem aquele espasmo todo do orgasmo, mas não ejacula. Resultado: o pénis não perde erecção e pode ter muitos orgasmos assim, ficando multiorgásmico como as mulheres. Não há nenhum período refractário, cansaço, sono, nada. É só continuar.

Um aviso: o sexo tornar-se-á muito monótono para um homem que dê muitos orgasmos a uma mulher se não se sentir retribuído no prazer, ao longo do tempo! Cabe às mulheres terem isso em atenção.
Navegue com um browser seguroGet Firefox!

Site optimizado para Firefox - 1024X768

Site construído
com NVUDocument made with Nvu